Wanda Pimentel

Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 1943 – Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 2019

Wanda Pimentel integra Composições para tempos insurgentes com Polvo, pertencente à Coleção Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Escaravelhos, morcegos e serpentes fazem parte da série Animais, trabalho em que Pimentel investiga seres muitas vezes tidos como repugnantes e estranhos. Nesta obra, o enigmático polvo é trazido à tona de maneira lírica. 

Artista carioca fundamental para a nova figuração brasileira da década de 1960, iniciou seus estudos em pintura com Ivan Serpa entre os anos de 1965 e 1968 em nosso Bloco Escola. Ainda em 1968, participou de sua primeira coletiva no museu (II Salão Esso de Artistas Jovens) e, desde então, foram mais 20 participações em exposições coletivas, e uma individual em 2004.  

Textos escritos pelas equipes de educação e curadoria.

Wanda Pimentel is part of Composition for insurgent times (Composições para tempos insurgentes) with Octopus (Polvo), which belongs to the Collection Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Scarabs, bats and vipers are part of Animals (Animais), a work in which Pimentel investigates beings many times taken as repulsive and queer. In this work the enigmatic octopus is surfaced in a lyrical way.

One of the most fundamental artists from Rio de Janeiro to the new brazilian figuration of the 1960’s, she started her painting studies with Ivan Serpa between 1965 and 1968 in our School Block. In 1968 she took part in her first collective show at the museum (II Salão Esso de Artistas Jovens), and since then there have been more than 20 participations in collective shows and one individual one in 2004.

Texts written by the educational and curatorial teams.

Obra
Polvo (2004)
série Animais
tintas acrílica e metálica, filó, adesivo sobre tela e madeira laqueada
Coleção Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro
Doação da artista



Acessibilidade | Fale conosco | Imprensa | Mapa do Site