Brava Gente: a Beija-Flor no MAM Rio

Em dezembro, a Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis dá início a uma série de atividades desenvolvidas em parceria com o MAM Rio. O elo condutor da programação é a interseção do enredo do Carnaval 2023 da escola: “Brava Gente! O grito dos excluídos no bicentenário da independência”, de autoria dos carnavalescos Alexandre Louzada e André Rodrigues, com a exposição “Atos de Revolta: outros imaginários sobre independência”, em cartaz no MAM Rio, que também trata da efeméride.

“Brava gente: a Beija-Flor no MAM Rio” contempla oficinas, palestras, visitas de crianças da comunidade ao museu e a participação de integrantes como a porta-bandeira Selminha Sorriso e o mestre-sala Claudinho ensinando sua arte para o público nos pilotis do MAM Rio. O início do programa acontece no Super Sábado de 3 de dezembro. 

Quatro figurinos que vão aparecer na avenida estarão em exposição no MAM Rio, junto de “Atos de Revolta”. É a primeira vez que uma escola de samba apresenta suas fantasias ao público, antes do desfile.

“O bicentenário da Independência é um momento propício para um debate acerca dos rumos e do próprio sentido do país. O carnaval carioca, alegria e manifestação, consolidou-se como um espaço privilegiado para reflexão de questões de importância fundamental em um espetáculo artístico de inegável dimensão política e caráter pedagógico”, escreve a Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis em manifesto sobre o samba-enredo de 2023.

Já a exposição “Atos de revolta: outros imaginários sobre independência” repensa esse processo histórico por meio da arte, abordando uma série de levantes, motins e insurreições que antecederam aquele momento ou que ocorreram nas décadas subsequentes. Um time de 16 nomes da arte contemporânea brasileira apresentam produções com multicamadas de narrativas e temporalidades, em diálogo com peças históricas dos séculos 18 e 19.

“A Beija-Flor quer dar voz ao seu povo e representar a gente. Esse é o papel da escola de samba e dos projetos sociais. Nilópolis é participação popular. Por isso, pensando no nosso povo e em tudo que está acontecendo, escolhemos esse enredo”, diz André Rodrigues sobre a narrativa que a escola vai levar para a Sapucaí, dia 20 de fevereiro.

Juntamente com o antropólogo Mauro Cordeiro, responsável pela pesquisa do tema junto à Beija-Flor, André Rodrigues ministra uma aula no programa Estudos Vivos, também no dia 3 de dezembro, sobre o desenvolvimento do enredo e em como ele vai ser materializado no desfile da Sapucaí.

ESTUDOS VIVOS – PALESTRA SOBRE O ENREDO DO CARNAVAL 2023 DA BEIJA-FLOR
SÁB 3 DEZ . 11h
Juntamente com o antropólogo Mauro Cordeiro, responsável pela pesquisa do tema junto à Beija-Flor, André Rodrigues ministra uma aula no programa Estudos Vivos sobre o desenvolvimento do enredo e em como ele vai ser materializado no desfile da Sapucaí.

Inscrições via formulário. Salão de Eventos do MAM Rio. Classificação indicativa livre.

ZONA ABERTA – OFICINA DE ADEREÇOS
SÁB 3 DEZ . 10h – 11h30
A oficina tem o intuito de compartilhar os saberes técnicos que fazem parte do processo de criação da Beija-Flor de Nilópolis. com condução de Rodrigo Pacheco, integrante do departamento de Carnaval da escola de samba.

Pilotis do MAM Rio. Classificação indicativa livre.

ZONA ABERTA – OFICINA DE DESENHO DE FANTASIA
SÁB 3 DEZ . 11h30 – 13h
A oficina tem o intuito de compartilhar as práticas artísticas desenvolvidas na escola, com condução de Fabynho.

Pilotis do MAM Rio. Classificação indicativa livre.

EXPOSIÇÃO DE FIGURINOS DA BEIJA-FLOR
SÁB 3 – DOM 18 DEZ . 10h – 18h
A mostra apresenta quatro figurinos do Carnaval 2023 da Beija-Flor de Nilópolis, em diálogo com a exposição Atos de revolta: outros imaginários sobre independência, também em cartaz no MAM Rio. É a primeira vez que uma escola de samba exibe suas fantasias ao público, antes do desfile.

Foyer do MAM Rio. Classificação indicativa livre.

OFICINA DE DANÇA DE MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA
DOM 4 DEZ . 11h – 12h30
A porta-bandeira Selminha Sorriso e o mestre-sala Claudinho ensinam sua arte para o público nos pilotis do MAM Rio.

Pilotis do MAM Rio. Classificação indicativa livre.

APRESENTAÇÃO DE INTEGRANTES DA BATERIA
DOM 4 DEZ . 12h30 – 14h
Apresentação pública do samba selecionado com a bateria e mais integrantes da escola Beija-Flor de Nilópolis.

Pilotis do MAM Rio. Classificação indicativa livre.




Acessibilidade | Fale conosco | Imprensa | Mapa do Site