6 de maio de 2020
Este mês | Meses anteriores | A seguir

AGOSTO 2022

Programação presencial no Auditório Cosme Alves Netto e online no canal do MAM Rio no Vimeo
_

PROGRAMAÇÃO PRESENCIAL
AUDITÓRIO COSME ALVES NETTO

SEG 1 AGO . 11h
Oficina ImaginAções com as professoras Dani Spadotto e Isabella Raposo do Nano – Núcleo de Artes e Novas Tecnologias, da EBA – UFRJ. Vagas limitadas. 

TER 2 AGO . 18h30
Caro Pier Paolo. Anotações para um filme sobre a índia (Appunti per un film sull’India) de Pier Paolo Pasolini. Itália, 1968. Documentário 25’. Legendas em português. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa 14 anos.

QUA 3 AGO . 11h
Oficina ImaginAções com as professoras Dani Spadotto e Isabella Raposo do Nano – Núcleo de Artes e Novas Tecnologias, da EBA – UFRJ. Vagas limitadas.

QUI 4 AGO . 11h
Oficina ImaginAções com as professoras Dani Spadotto e Isabella Raposo do Nano – Núcleo de Artes e Novas Tecnologias, da EBA – UFRJ. Vagas limitadas.

QUI 4 AGO . 15h30
Em cartaz. Escuro horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa livre.

QUI 4 AGO . 17h
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

QUI 4 AGO . 18h30
Pré-estreia. Um Disco normal de João Kombi e Tomás Moreira. Brasil, 2022. Com Jonnata Dol, Lucas Rosso, Thais Blanco, Orquestra Geek de Bertioga, Iggor Cavalera. Documentário. 90’. Exibição em MOV (H264). Classificação indicativa 12 anos.

SEX 5 AGO . 16h30
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

SEX 5 AGO . 18h30
Em cartaz. Escuro horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. Sessão apresentada e seguida de debate com o realizador.

SÁB 6 AGO . 15h
Clássicos em 35mm. A Viúva alegre (The Merry Widow) de Ernst Lubitsch. Estados Unidos, 1934. Com Maurice Chevalier, Jeanette MacDonald, Edward Everett Horton. 99’. Legendas em português. Exibição em 35mm. Classificação indicativa 14 anos

SÁB 6 AGO . 17h
Aconteceu 100 Anos Atrás. Robin Hood (Robin Hood) de Allan Dwan. Estados Unidos, 1922. Com Douglas Fairbanks, Wallace Beery, Sam De Grasse. 143’. Legendas em português. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa livre

DOM 7 . 15h
Gêneros ao Redor do Mundo. Santa Entre Demônios (Salón México) de Emilio Fernández. México, 1949. Com Marga López, Miguel Inclán, Rodolfo Acosta. 95’. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa 12 anos.

DOM 7 . 17h
Gêneros ao Redor do Mundo. O Sedento (Pyaasa) de Guru Dutt. Índia, 1957. Com Guru Dutt, Waheeda Rehman, Mala Sinha. 146’. Legendas em português. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa 12 anos.

QUI 11 AGO . 17h
Em cartaz. Escuro horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

QUI 11 AGO . 18h30
Sessão especial. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. Sessão seguida de debate com Renan Rovida, Francis Vogner dos Reis e Maria Tereza Urias.

SEX 12 AGO . 15h
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. 

SEX 12 AGO . 17h
Em cartaz. Escuro Horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

SEX 12 AGO . 18h30
Clássicos em 35mm. Alphaville (Alphaville) de Jean-Luc Godard. França, 1965. Com Eddie Constantine, Anna Karina e Akim Tamiroff. 99’. Legendas em português. Exibição em 35mm. Classificação indicativa 12 anos.

SÁB 13 AGO . 11h
Festival #Agora. Parahyba mulher macho de Tizuka Yamasaki. Brasil, 1983. Com 88′. Exibição em 35mm. Classificação indicativa 14 anos

SÁB 13 AGO . 13h
Festival #Agora. Alma clandestina de José Barahona. Brasil, 2018. Documentário. 100′. Exibição em DCP. Classificação indicativa 16 anos Sessão apresentada pelo realizador.

SÁB 13 AGO . 15h30
Festival #Agora. A mulher da luz própria de Sinai Sganzerla. Brasil, 2019. Documentário. 74’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. Sessão seguida de conversa com Sinai Sganzerla e Helena Ignez.

SÁB 13 AGO . 18h
Festival #Agora. O dia de Jerusa de Viviane Ferreira. Brasil, 2014. Com Léa Garcia e Débora Marçal. 20’. Exibição em MP4 (H.264) Classificação indicativa livre

DOM 14 AGO . 11h
Festival #Agora. Já que ninguém me tira pra dançar de Ana Maria Magalhães. Brasil, 2021. Documentário. 92′ Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos

DOM 14 AGO . 13h
Festival #Agora. Ela e eu de Gustavo Rosa de Moura. Brasil, 2020. Com Andrea Beltrão, Eduardo Moscovis, Jessica Ellen, Lara Tremouroux, Mariana Lima e Karine Teles. 101′. Exibição em DCP. Classificação indicativa 16 anos. Sessão seguida de conversa com a equipe do filme. Mediação. Antonia Pellegrino.

DOM 14 AGO . 17h
Festival #Agora. Anahy de las Misiones de Sérgio Silva. Brasil, 1997. Com Araci Esteves, Dira Paes, Marcos Palmeira. Exibição em 35mm. 110′. Classificação indicativa 16 anos.

DOM 14 AGO . 19h
Festival #Agora. Waleska Molotov de Amandla Veludo. Brasil, 2017. Com Jéssica Orquídea de aço. 19’30’ Exibição em MP4 (H.264) Classificação indicativa 18 anos

QUA 17 AGO . 14h
Desvendando o violão expandido – ep. 1a Corda – Panorama de Anaí Bagnolin. Brasil, 2021. Documentário. 28’. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa livre. Seguido de conversa com Ricardo Tacuchian, Alex Pfeiffer, Mario da Silva e Anaí Bagnolin.

QUA 17 AGO . 15h
Desvendando o violão expandido – ep. 3a Corda – Arthur Kampela de Anaí Bagnolin. Brasil, 2021. Documentário. 28’. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa livre. Seguido de conversa com Arthur Kampela, Mario Ferraro, Pauxy Gentil-Nunes e Mario da Silva.

QUA 17 AGO . 16h
Desvendando o violão expandido – ep. 4a Corda – Chico Mello de Anaí Bagnolin. Brasil, 2021. Documentário. 28’. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa livre. Seguido de conversa com Tato Taborda, Rocio Infante e Mario da Silva.

QUA 17 AGO . 17h
Desvendando o violão expandido – ep. 2a Corda – Edino Krieger de Anaí Bagnolin. Brasil, 2021. Documentário. 28’. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa livre. Seguido de conversa com Tim Rescala, Nenem Krieger, Ricardo Dias e Mario da Silva.

QUI 18 AGO . 15h
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. 

QUI 18 AGO . 17h
Em cartaz. Escuro Horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

QUI 18 AGO . 18h30
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. A tempestade da Troma (Shakespeare’s Shitstorm) de Lloyd Kaufman. Estados Unidos, 2022. Com Erin Miller, Kate McGarrigle, Amanda Flowers, Dylan Mars Greenberg, Debbie Rochon, Zoe Geltman, Zac Amico & Lloyd Kaufman. 108′. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa 18 anos. Estreia Nacional. Sessão seguida de conversa com Flávio de Castro Barbosa, Gurcius Gewdner e Fábio Vellozo.

SEX 19 AGO . 15h30
Em cartaz. Escuro horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

SEX 19 AGO . 16h50
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. 

SEX 19 AGO . 18H30
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Sargento Kabukiman (Sgt. Kabukiman Nypd) de Lloyd Kaufman e Michael Herz. Estados Unidos, 1990. Com Rick Gianasi, Susan Byun. 105′. Legendas em português. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 14 anos. 

SÁB 20 AGO . 15h
Sessão Musimagem. Dois córregos de Carlos Reichenbach. Brasil, 1999. Com Carlos Alberto Riccelli, Beth Goulart, Ingra Liberato. 112’. Exibição em 35mm. Classificação indicativa 12 anos. Sessão seguida de debate com Ivan Lins, Alex Pfeifer e Ruy Gardnier.

SÁB 20 AGO . 18h
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. O Vingador tóxico (The Toxic Avenger) de Lloyd Kaufman. Estados Unidos, 1984. Com Andree Maranda, Mitch Cohen, Jennifer Babtist. 82′. Legendas em português. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos

DOM 21 AGO . 15h
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Escola nuclear (Class Of Nuke’em High) de Lloyd Kaufman, Richard Hain. Estados Unidos, 1986. Com Janelle Brady, Gil Brenton, Robert Prichard 82′. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos

DOM 21 AGO . 17h
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Retorno à escola nuclear (Return To Return To Nuke Em High, Aka Vol.2) de Lloyd Kaufman. Estados Unidos, 2018. Com Asta Paredes, Catherine Corcoran, Zac Amico. 125′. Legendas em português. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos

TER 23 AGO . 18h30
Cinema e Musica para Imagens. Otavio Castellani e Gedivan de Albuquerque. Janela de Kikha Danttas e João Pedro Oliva. Brasil, 2018. Com Luciana Gayoso, Carla Fernandes, João Maiara, Gedivan de Albuquerque, Marcus Vicinius e Mio Vacite. 15′. Exibição em MP4 (H.264). + Verdades divinas de Otávio Castellani, Brasil, 2021. Com Kikha Danttas, Otávio Castellani e Rodrigo Rosa. 13′. Exibição em MP4 (H.264).+ O Homem e a encruzilhada de Otávio Castellani, Brasil, 2020. Com Gedivan Albuquerque, Mario Faini, Yohana Torres, Arlete Rua, Helena Daflon Albuquerque e Otávio Castellani. 19′. Exibição em MP4 (H.264). Classificação indicativa 16 anos

QUA 24 AGO . 18h30
Revista Aurora. Brasil ano 2000 de Walter Lima Jr. Brasil, 1969. Com Anecy Rocha, Enio Gonçalves, Iracema de Alencar. 95’. Exibição em 35mm. Classificação indicativa 18 anos. Sessão seguida de debate com a equipe da revista. 

QUI 25 AGO . 15h20
Em cartaz. Pão e gente de Renan Rovida. Brasil, 2022. Com Natasha Karasek, Rafaela Carneiro, Rani Guerra, Renê Costanny e Talita Araujo. 60’. Exibição em DCP + A Máquina infernal de Francis Vogner dos Reis. Brasil, 2021. 30‘. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos. 

QUI 25 AGO . 17h
Em cartaz. Escuro Horizonte de Pedro Tavares. Brasil, 2020. Documentário. 70’. Exibição em DCP. Classificação indicativa 12 anos.

QUI 25 AGO . 18h30
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Canibal, o musical (Cannibal, the Musical) de Trey Parker. Estados Unidos, 1993. Com Trey Parker, Dian Bachar, Stephen Blackpool. 97′. Legendas em português. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos.

SEX 26 AGO . 18h30
Sessão especial. Versão Restaurada em 4K. Deus e o diabo na terra do sol Glauber Rocha. Brasil, 1964. Com Geraldo Del Rey, Othon Bastos, Yoná Magalhães, Maurício do Valle. 120’ Exibição em DCP. Classificação indicativa 14 anos. Sessão seguida de conversa com Othon Bastos, Walter Lima Jr., Paloma Rocha, Luís Abramo e Lino Meireles.

SÁB 27 AGO . 15h 
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Surfistas nazistas devem morrer (Surf Nazis Must Die) de Peter George. Estados Unidos, 1987. Com Barry Brenner, Gail Neely, Michael Sonye. 83’. Legendas em português. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos

SÁB 27 AGO . 17h
Toxic Classics – Troma, Lloyd Kaufman e Tromaville – 48 anos de cinema independente. Tromeo & Julieta (Tromeo & Juliet) de Lloyd Kaufman. Estados Unidos, 1996. Com Jane Jenson, Will Keenan, Valentine Miele, Steve Gibbons, Sean Gunn, Joe Fleishaker, Lemmy Debbie Rochon. 107′. Exibição em MP4(H.264). Classificação indicativa 18 anos

DOM 28 AGO . 11h – 19h
VozeRio. Um concerto de ações performáticas a partir do encontro de dezenas de poetas, artistas e cineastas no auditório da Cinemateca do MAM e na área externa do MAM Rio. Organização e curadoria Katia Maciel. Classificação indicativa 16 anos

SEG 29 AGO . 15h
Curso Políticas do corpo e do afeto no audiovisual brasileiro contemporâneo com os professores Mariana Baltar, Vinícios Ribeiro e Diego Paleólogo. Seminário de pós-graduação acompanhado da projeção de No coração do mundo de Gabriel Martins e Maurilio Martins. Brasil, 2019. Com Kelly Crifer, Leo Pyrata, Grace Passô, Bárbara Colen, Robert Frank, Rute Jeremias, Renato Novaes. 120’. Exibição em MP4 (H.264). Classificação indicativa 16 anos

TER 30 AGO . 18h30
Pré-estreia Fora D’água de Guilherme Gurgel. Brasil, 2022. Com Thainá Guimarães, Elisa Toledo e Victor Corrêa. 17′. Exibição em MP4 (H264). Classificação indicativa 14 anos

QUA 31 AGO 18h30
Arte dá um jeito!. Acordes de Kaio Kaio Caiazzo. Brasil, 2021. Com Natália Dias e Gabriela Checchia. 22’. Exibição em MOV (H264). + Chove de Kaio Caiazzo. Brasil, 2022. Com Natália Dias. Exibição em MOV (H264). 6’. Colisões.doc. de Kaio Caiazzo. Brasil, 2021. Documentário. 92’. Exibição em MOV (H264). Classificação indicativa 14 anos

_

CINEMATECA ONLINE
Programação gratuita em www.vimeo.com/channels/cinematecadomam

O Cerco 
Depois da exibição presencial na Cinemateca do MAM, o filme “O Cerco” entra em cartaz no canal online da Cinemateca. O filme ficará disponível ao longo do mês de agosto e teremos uma conversa com os realizadores e o montador e produtor do filme. Além disso, acompanhando essa exibição, apresentaremos uma retrospectiva de curtas metragens realizados individualmente por cada membro do grupo.

1 – 31 AGO
O cerco de Aurélio Aragão, Gustavo Bragança e Rafael Spínola. Brasil, 2021. Com Liliane Rovaris, Geovanna Lopes, Marco Lopes, Matheus Lopes, Alberto Moura e Breno Nina. 87’. Classificação indicativa 16 anos. 

3 – 9 AGO  Curtas de Rafael Spínola
Nossos traços de Rafael Spínola. Brasil, 2013. Documentário. 4′. + Gigante de Rafael Spínola. Brasil, 2014. Documentário. 9′. + Janela de Gabriel Medeiros e Rafael Spínola. Brasil, 2016. Com Stella Rabello, Otto Jr., Antonio Rabello e Ricardo Gonçalves. 19′. + A mentira de Rafael Spínola e Klaus Diehl. Brasil, 2019. Com Klaus Diehl. 10′. + Bicho azul Rafael Spínola. Brasil, 2020. Documentário. 7′. Classificação indicativa 14 anos.

10 – 16 AGO – Curtas Gustavo Bragança
Deriva de Gustavo Bragança. Brasil, 2006. 23′ + O Vôo de Gustavo Bragança e Daniel Paiva. Brasil, 2006. Animação. 8′. Classificação indicativa 12 anos

17 – 23 AGO – Curtas de Lobo Mauro
Quando se sonha tão grande, a realidade aprende de Lobo Mauro. Brasil, 2014. Documentário. 14′. + Mais triste que chuva num recreio de colégio de Lobo Mauro. Brasil, 2017. Documentário. 14′. Classificação indicativa livre

24 – 31 AGO – Curtas Aurélio Aragão
Cá e Lá de Aurélio Aragão. Brasil, 2000. Com Isordina Clementina de Jesus e Wilson Oliveira. 10′. + Quando um burro fala… de Aurélio Aragão e Roberto Robalinho. Brasil, 2005. Com Mano Melo, Sara Stopazzolli e Arduíno Colassanti. 15′. + Só Mais um Filme de Amor de Aurélio Aragão. Brasil, 2010. Com Emanuel Aragão Gabriela Carneiro da Cunha. 19′. Classificação indicativa 14 anos.

Revista Aurora
Para o lançamento da segunda edição da revista Aurora (https://auroracine.com.br/) a Cinemateca do MAM promove dois eventos em conjunto com os editores da revista. Um debate em torno do filme Brasil, ano 2000 de Walter Lima Jr. e uma sessão do Cineclube Aurora, no canal da Cinemateca com a exibição do filme Muleque té doido seguida de um debate nas redes sociais. A Revista Aurora tem periodicidade quadrimestral e, nesta edição, tem por temática central “O cinema de humor brasileiro”. A partir de treze ensaios haverá um panorama sobre a produção cinematográfica brasileira cômica e seus desdobramentos históricos.

De SEG 22 a DOM 28 AGO 
Revista Aurora. Muleque té doido de Erlanes Duarte. Brasil, 2014. Com Erlanes Duarte, Junior André, Nikima Krakelê e Marcos Santos. 123’. Classificação indicativa 12 anos. (A CONFIRMAR)

QUI 25 AGO 20H (YouTube e Facebook do MAM Rio)
Cineclube Aurora. Debate “O cinema de humor brasileiro” com equipe da revista aurora e participação de Andreia Lima e Erlanes Duarte. 

_

A Cinemateca do MAM é patrocinada pela Samambaia Filantropias.

Informações: